Homeopatia

Homeopatia

Veja também no final desta página literatura recomendada e links interessantes

O que é?
A homeopatia foi concebida pelo médico alemão SAMUEL HAHNEMANN (1755-1843). É uma terapêutica baseada na cura pela semelhança , que utiliza medicamentos dinamizados (diluídos e sucussionados), geralmente em doses não ponderais.

Todo o arsenal terapêutico homeopático é derivado da experimentação no homem são. A um grupo de pessoas sadias é administrada determinada substância (geralmente dinamizada em CH30), sendo anotados todos os seus sintomas (mentais, físicos e emocionais). A lista dos sintomas agrupados é chamada de patogenesia da substância testada. Os livros que reúnem as patogenesias de inúmeras substâncias são chamados de "Matéria Médica".

Papel do paciente
Fornecer ao médico homeopata o maior número possível de informações, com sinceridade, riqueza de detalhes e precisão.

Papel do médico/dentista/veterinário homeopata
Procurar em todo o arsenal terapêutico homeopático, o(s) medicamento(s) de patogenesia mais SEMELHANTES ao quadro apresentado pelo paciente. Para isso, deve conhecer as diferentes matérias médicas e fazer uma anamnese completa e livre de preconceitos.

Como age o medicamento?
Como se fosse uma doença artificial semelhante à do paciente, introduzida propositalmente no organismo. Daí a afirmativa de que a homeopatia é a cura pela semelhança.

Essa doença artificial provoca uma reação da força que nos mantém vivos (energia vital) em direção oposta, induzindo o organismo a reagir, reestabelecendo a saúde (homeostase).

Papel da Farmácia Homeopática

  • Preparar com o máximo rigor técnico os medicamentos prescritos.
  • Orientar o cliente quanto ao uso correto do medicamento (posologia, conservação, manuseio, etc...).
  • Saber fornecer informações corretas acerca do medicamento, tanto para o cliente como para quem o prescreveu.

Possuímos em estoque uma extensa lista de medicamentos, nas várias escalas e métodos; e nos dispomos a obter novos medicamentos, quando necessário.


Literatura Recomendada:
  • LINDE, K. et al. Are the Clinical Effects of Homeopathy Placebo Effects? A  meta-analysis of placebo controlled trials. Lancet 1997;350:834-43
  • REILLY, D.T. et al. Is Homeopathy a Placebo Response? Controlled trial of homeopathy potency, with pollen in hayfever as model. Lancet, october 18,881-5,1986
  • CARLINI,E. Uma abordagem científica da homeopatia.; Ciência Hoje 7(39):52-5, 1988.
  • BIOLCHINI, J. As Práticas Homeopáticas. Ciência Hoje; 7(39):60-1, 1988.
  • BAROLLO,Célia Regina. Aos que tratam pela homeopatia: O medicamento homeopático (cap 6). Sexta edição. Editora Typus.
  • BRUNINI, Carlos; SAMPAIO, Carlos. Criança livre-Uma visão homeopática e holística. Editora Ground. 2a. edição, 1989, 179p
  • ROSEMBAUM, Paulo. As perguntas que você gostaria de fazer, e as respostas de um médico sobre o que é homeopatia. R editorial.1996,143p
Na Internet:
Voltar ao Início